Gel Sexual: O que é e porque você precisa dele em seus momentos íntimos?

677

Sempre que pensamos em preliminares ou no sexo em si, é muito comum imaginar sensações que gostaríamos de experimentar ou realizar. Algumas são mais fáceis, outras, mais difíceis. Mas no universo do  comércio erótico, não faltam opções para ajudar nesse momento.

Vamos falar hoje  do mundo maravilhoso do gel íntimo.

Ainda existe um tabu relativamente grande acerca deste item e com certeza você tem alguém duvida a respeito dele.

Usá-lo no sexo ou na masturbação?

Que tipo usar e em qual ocasião?

Vamos fundo nesse assunto e explicamos mais sobre os géis lubrificantes suas variedades e por que é preciso muito cuidado ao escolher o seu.

Porque usar gel sexual?

Esta é uma dúvida muito comum entre nós, mulheres. O pensamento mais frequente é que se trata apenas de uma maneira de estimular o sexo. Sim, essa é apenas a ponta do iceberg do prazer. Existem diversas maneiras de usar o gel sexual. Seja para uso lubrificante ou para estimular a transa, é fato que precisamos saber exatamente o que está sendo usado.

Gel Lubrificante x Gel estimulante

É muito comum confundirem esses dois produtos.

Nem todo gel é lubrificante e vice-versa.

O lubrificante tem por objetivo reduzir o atrito e utiliza elementos químicos e possui uma consistência própria, para cumprir o seu papel e permitir um movimento sem dores ou incômodos.

O gel por sua vez não possui estas características, levando a irritação nas mucosas da vulva e vagina no caso do uso incorreto.

Os dois tipos normalmente apresentam a mesma embalagem, por isso é necessário ler com cuidado as instruções.

Indicamos também comprar esse produto em locais de confiança como sex shops e farmácias, deste modo é mais fácil de tirar qualquer dúvida e comprar um produto de qualidade.

Gel Lubrificante

Atualmente existem diversos lubrificantes no mercado, a diferença principal está na base da sua formulação e consequentemente na sua consistência.

Diz uma lenda, que existe um lubrificante diferente destinado a cada “uso”, Isso não é verdade, não importa se você vai usar para o sexo ou a masturbação, o lubrificante em si, atende a todas as variedades possíveis, apenas veja qual tipo se adéqua melhor  ao seu corpo e a ocasião.

Os principais tipos são:

Base Água:

Também conhecidos como hipoalergênicos (não causam alergias), não tem reação com o látex da camisinha, não mancham roupas, outros tecidos e são fáceis de encontrar em sex shops e farmácias.

São menos espessos que outros lubrificantes íntimos, por isso cuidado na aplicação. Normalmente são mais econômicos e podem ser usados em pequenas quantidades na

Base Silicone:

Não entram em reação com o látex. Apesar de ser mais difícil de retirar da pele e dos tecidos, pode causar alergias em algumas pessoas, principalmente na região íntima.

Não é um caso frequente, mas caso opte por este tipo, procure uma orientação médica antes do uso para saber a possibilidade de reação alérgica a algum componente da fórmula.

 

Base Óleo ou Petróleo:

Tem consistência mais espessa que os outros. São contra indicados, pois podem romper a camisinha ao reagir com o látex e também causar irritações e alergias. Normalmente são apresentados como base óleos vegetais ou minerais. São bem difíceis de encontrar atualmente por causa desses problemas, mas ainda existem alguns, a venda. Preste atenção.

Gel Sexual
O que é e porque você precisa dele em seus momentos íntimos?

Além da diferença do produto base e a consistência, os lubrificantes em gel se diferenciam pelos “efeitos” que causam, como por exemplo, alguns esquentam ou esfriam, possuem propriedades anestésicas, existem ainda com cheiros e sabores variados; aqui é preciso se atentar a um detalhe: existem os comestíveis e os beijáveis.

Os primeiros podem ser consumidos como alimento, o segundo, ingerido em pequenas quantidades sem problemas.

Qual a utilidade disso, você deve se perguntar, aí é a sua imaginação que vai definir.

 

Apesar dessa variedade imensa de produtos, alguns cuidados são necessários para melhor aproveitar seus benefícios:

 

  • De preferência sempre a base água. Como dito, são hipoalergênicos e não reagem com o látex da camisinha. O mais recomendado para uso geral.
  • Os base silicones são mais modernos, também não tem problemas com o látex da camisinha ou vibradores, porém, algumas pessoas são sensíveis a fórmula, o que pode gerar irritações na região íntima.
  • Evite os lubrificantes com base óleos minerais ou vegetais, eles podem causar rompimento da camisinha durante a relação.
  • Lubrificantes com anestésicos são fortemente contraindicados, pois camuflam lesões durante o ato sexual que podem comprometer o órgão genital.
  • Existem no mercado, lubrificantes com aromas ou sabores, esses são ótimos para apimentar o sexo oral.
  • Utilize apenas produtos com características de lubrificação, qualquer outro gel ou creme não destinado a isso pode comprometer sua saúde.
  • Caso tenha dúvidas em relação a sua sensibilidade a determinados componentes dos lubrificantes, procure orientação de seu ginecologista.
  • Se utilizar o lubrificante para a masturbação com vibradores ou quaisquer outros brinquedos eróticos, limpe sempre quando terminar. O uso contínuo sem a devida higiene pode estragar o aparelho e causar problemas na pele intima.

 

Gel Estimulante

Os estimulantes, como o próprio nome diz, garantem preliminares mais calientes ou momentos íntimos mais provocantes, despertando sensações e estimulando experiências.

Aqui entram produtos destinados à massagem de maneira geral.

Existem diversas técnicas de massagem (como a tântrica, por exemplo) que proporcionam aumento da libido e excitação além de orgasmos maiores e mais intensos, sendo perfeito para anteceder ou realizar durante as preliminares.

Assim como acontece no gel lubrificantes, os estimulantes possuem também uma variedade de efeitos (calor ou frio) e aromas diversos.

Alguns modelos ainda, atuam diretamente no PH da pele, aumentando a sensibilidade na região aplicada e proporcionando sensações das mais diversas.

Os estimulantes podem ser utilizados em um momento íntimo consigo mesma também. Antes da masturbação, aplicando no corpo ou na região íntima, atuando como um momento único consigo mesma.

 

Como você viu, existem muitos modelos géis sexuais para contribuir para seu momento íntimo e dar orgasmos inesquecíveis.

Lembre-se sempre que este é um momento seu rodeado de prazer, caso tenha dúvidas, e sinta qualquer incómodo, procure seu ginecologista, com certeza ele terá a melhor orientação possível.

Gel Sexual: O que é e porque você precisa dele em seus momentos íntimos? 1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here