Saiba como manter os prazeres sexuais com a rotina do casamento e entenda porque isso faz toda a diferença para um relacionamento forte e estável.

Passada a euforia e os prazeres da vida de recém-casado, grande parte dos casais sentem que a relação já não anda tão empolgante. Noites que antes eram prazerosas, desaparecem ou se tornam bobas e sem graça e o relacionamento ao invés de uma parceria romântica vai se tornando apenas uma responsabilidade a ser vivida.

Namore mesmo depois de casado

Muitos não sabem, mas frequentemente a razão para este descontentamento entre os recém-casados e veteranos na troca de alianças, ocorre porque muitos (aos poucos) acreditam que pelo fato de agora serem casados não precisam mais se portar como namorados.

Na maioria das vezes, estas mudanças ocorrem com o tempo e sem que o casal se dê conta, de repente já não são mais os mesmos, as surpresas acabam, os elogios ficam raros, os beijos demorados somem.

Por isso que logo no começo desse post, iremos abordar um aspecto muito importante, a criatividade, para estimular e manter os prazeres sexuais, os casados não podem deixá-la de lado. Além disso, lhe daremos dicas de como conciliar uma rotina de sexo prazerosa dentro do casamento sem ter de abrir mão de nenhuma de suas responsabilidades.

PRAZERES SEXUAIS

É difícil manter rotina de trabalho com os prazeres sexuais no casamento
É difícil manter rotina de trabalho com os prazeres sexuais no casamento

A parte sexual é uma das mais afetadas com o impacto da rotina diária de qualquer casamento, isso ocorre porque o excesso de responsabilidade em administrar a casa, família e trabalho vai, aos poucos, colocando a vida sexual em segundo plano.

Sendo assim, vejamos em quais aspectos a vida sexual é deixada de lado e como contornar esta situação:

Criatividade Sexual

Antes do casamento, os casais gozam de uma rotina sexual muito mais criativa, e muitos não se dão conta que foram estas ousadias e momentos de criatividade os responsáveis pelo sucesso da relação que culminou em casamento.

Vejamos a abaixo como reintroduzir e potencializar sua criatividade sexual dentro do seu casamento:

*Peso da Responsabilidade: Embora casamento e responsabilidade caminham de mãos dadas, isso não significa que você deva abdicar daqueles momentos de prazer sexual que ambos tinham durante a vida de solteiro.

Até porque, como muitos sabem, uma coisa não tem nada a ver com a outra, por isso, o primeiro passo para reativar a sua criatividade sexual em sua vida de casado, é livrar-se do sentimento de culpa que associa os momentos de prazer e criatividade à irresponsabilidade.

*Surpreenda seu parceiro: É comum que depois de um tempo juntos, tanto os homens como as mulheres acomodam-se em suas rotinas e com o passar dos anos acabam não sabendo como sair de suas zonas de conforto e muitos temem sugerir algo novo, diferente ou simplesmente resgatar o que havia durante o sexo no começo do relacionamento.

Para que a relação não seja afetada pelos efeitos colaterais da mesmice, é necessário surpreender o parceiro, não é preciso esperar uma data com algum significado especial, surpreenda  seu parceiro no meio da semana e a qualquer hora do dia.

Dicas quentes para melhorar a criatividade sexual

– Recadinho sexy na hora do trabalho: Já experimentou mandar um recadinho para o telefone do maridão ou esposa convidando para uma noite de sexo? Que tal uma foto ousada ou até mesmo uma foto daquela lingerie sexy ou do brinquedinho que comprou para experimentarem juntos?!

– Presentinhos: Não precisa esperar aniversário ou qualquer outra data para dar e receber  presentes. Seja criativo, que tal presentear com um brinquedinho erótico?!

– Viajar: Procure viajar para lugares românticos e sexy e de preferência sozinhos. A viagem não precisa ser cara ou  para lugares distantes.

– Jantar Romântico e Sexo: Quando o clima esfria no relacionamento, é sempre bom tomar a iniciativa com uma dose de romantismo seguida por uma aventura sexual.

– Filme e Sexo: Se você quer uma noite de sexo apimentado sem sair de casa, uma boa opção é escolher um filme, aposte em um filme erótico e bebidas, como o vinho, enquanto ambos assistem. Tenha certeza de que o clima vai esquentar tanto que não vão conseguir terminar de assistir o filme. Uma boa brincadeira é tentar fazer Cosplay das cenas eróticas. Topa?

Beijo é bom, não abandone os prazeres sexuais após o casamento
Beijo é bom, não abandone os prazeres sexuais após o casamento

 Maus hábitos adquiridos no casamento

Monotonia sexual

Um grande problema que afeta a vida sexual dos casais que se acomodam em suas vidas de casado, é aquele sexo sem graça, como se fosse uma obrigação, trata-se de uma rotina sexual que só é mantida por “tabela”, isto é, nenhum dos dois parceiros estão realmente interessados, pois o sexo ficou sem graça e monótono.

Sexo Rápido

Uma das  característica marcante da rotina sexual após o casamento, é praticar um sexo rápido ou a famosa RAPIDINHA. As experiências sexuais mais prazerosas demandam tempo, não dá para ter um sexo prazeroso e satisfatório só com a prática de um sexo rápido. 

Falta de criatividade sexual

 A falta de criatividade na rotina dos casamentos é muito comum, as mesmas posições, o mesmo lugar, o mesmo tempo de sexo, tudo como se fosse uma mera repetição. Ambos sem disposição ou coragem para tentar algo novo.   

Indiferença sexual

Este é um tipo de problema mais grave que acomete e muitas vezes separam casais que mergulham em suas rotinas de responsabilidades, deixando o sexo e a paixão em segundo plano, como se não fosse tão importante quanto as outras coisas de dentro da rotina do casamento e isso pode acontecer por muitos motivo. 

Falta de Libido Sexual

Nenhum relacionamento enfrenta o problema de falta de libido sexual da noite para o dia, trata-se de um problema no qual a frequência sexual do casal vai diminuindo até chegar ao ponto de inexistir. A falta de Libido sexual na maioria das vezes está ligada a saúde e ao stress. Essa questão é muito mais simples de resolver do que se imagina, porém, muitas vezes esse problema se prolonga, pois nenhum dos dois tem a coragem de tocar no assunto.

Agora que você já sabe alguns dos maus hábitos sexuais adotados por muitos casais, vejamos o que fazer para reverter esta situação:

Recuperando os prazeres sexuais após o casamento

Recuperando os prazeres sexuais após o casamento
Recuperando os prazeres sexuais após o casamento

Basta um pouco de  CORAGEM para querer mudar e buscar sua felicidade, não espere que façam isso por você. Lembre-se, ainda existe vontade de estar junto? Mesmo que sua rotina sexual dentro do seu casamento esteja uma porcaria, é algo muito positivo quando existe a vontade de querer estar junto, por isso para reverter a situação é necessário estabelecer mudanças que nem sempre precisam ser radicais. Converse com seu parceiro ou parceira abertamente sobre sexo e de como vocês juntos podem retornar a ter um sexo prazeroso e de qualidade.

Atitude

Tome as rédias de sua vida, tenha atitude, não espere o parceiro ou sua parceira fazerem algo para mudar, seja a responsável pela mudança!

Conversa Franca

É importante conversar com o seu parceiro, e estar pronto para ouvir, não é fácil, ninguém gosta de ouvir sobre seus próprios erros. Bom, alguém tem que ponderar, então esteja preparada para para trazer soluções e não apontar as falhas.

Desconectar

Embora a vida de casal exija muitas responsabilidades ao mesmo tempo, é necessário priorizar cada uma delas e muitas vezes deixar de fazer algo que pode se feito em outro momento ou outro dia, pois o mais importante é que você dê prioridade ao seu parceiro ou parceira sempre!

Elogiar

Nunca deixe que o corre corre do dia dia faça você esquecer do marido ou da esposa, elogiar um corte novo no cabelo ou uma barba feita, mostra que tem interesse na pessoa, elogio faz bem a quem recebe e também a quem dá.

Tenha gratidão

Não procure ser quem você não é e não exija que a outra pessoa seja como você, somos diferentes e temos comportamentos diferentes. Cada um ama de uma forma diferente, então seja grata sempre, agradeça as pequenas e grandes coisas feitas pelo parceiro, mostre que se importa.

NEM TUDO ESTÁ PERDIDO

Se você ama a pessoa com que divide seu dia a dia, seu parceiro ou parceira, nem tudo está perdido! Converse a respeito, veja se da outra parte ainda há sentimento, vontade de continuar junto e solucionar todos os problemas. Se sim, procure ajuda para reverter tal situação, existem tratamentos terapêuticos ótimos.

A terapia de casal é uma boa opção para tratar dos conflitos de uma vez por todas! Caso ambos decidam aceitar a ajuda de um profissional é importante estar aberto o suficiente para contar desde o início sobre como ou o que culminou em tal problema.

Mas se você acha que ainda não necessita de uma Terapia de Casal, crie e cultive mais momentos a dois, na grande maioria dos casos, os casais que dedicam momentos especiais a dois seja no sexo ou na vida de casado em geral conseguem superar a maioria de seus problemas. Quando os momentos a dois existem dentro do relacionamento de casado, ambos os parceiros passam a se olhar mais e se preocupar um com o outro.

QUANDO ACABA O AMOR

Não abandone os prazeres sexuais após o casamento
Não abandone os prazeres sexuais após o casamento

Se o desentendimento entre o casal  é diário, não há a menor vontade de estarem juntos e quando as acusações não possuem fim, é preciso ambos pararem e analisarem o relacionamento, quando não existe mais amor, não há motivos para permanecerem juntos.

Porém quando chega a este ponto, muitos casais se anulam e preferem manter o casamento e escolhem continuar vivendo juntos por diversas razões, são elas:

*Comodismo: O comodismo é um dos maiores inimigos daqueles que pretendem manter uma rotina sexual saudável, sendo o mesmo mais comum entre os casados do que entre os solteiros.

*Filhos: Alguns casais, ainda que não sejam mais os mesmos e sequer mantenham uma vida sexual ativa, mantêm-se juntos na tentativa de poupar os filhos de seu fracasso conjugal.

*Dinheiro: O dinheiro é sem dúvida um dos maiores motivos que levam muitos casais a manter um relacionamento sem amor, principalmente as mulheres que não trabalham fora, só em casa.

*Traição: Muitas vezes o sexo fora do casamento, torna-se parte na rotina de muitos que são casados, porém é uma relação que impacta negativamente na vida sexual de quem é casado, isso porque na maioria dos casos este tipo de sexo é algo que passou a existir na tentativa de amenizar as frustrações e outros problema.

Se ainda existe amor entre o casal, vale muita a pena tentar novamente, nunca se erra quando escolhemos o amor.

O tempo e a rotina na vida de qualquer casal pode ser um destruidor da paixão, do namoro e da paquera, mas nunca do amor. Quando o casal supera uma crise no relacionamento, se fortalece e o casamento tende a ficar melhor ainda. Força garotas, não deixem a “peteca” cair, lutem pelo seus relacionamentos, procurem sempre a felicidade e transformem suas  vidas sexuais.

 

 

Descubra como manter os prazeres sexuais após o casamento 1

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here